fbpx
Usar de graça Acesse sua conta

Fundos de Previdência: será que você caiu em uma roubada?

Opa, beleza? Está procurando sobre Fundos de Previdência? Achou o melhor conteúdo sobre isso. Além de te explicar a origem deles, vou te entregar a lista com os piores fundos, para você fugir deles. Você vai me agradecer depois.

Antes, vamos entender onde começou essa história de previdência e como os fundos de previdência surgiram.

O que são Fundos de Previdência?

Sabe aquele dinheiro que você guarda para quando se aposentar? Os fundos de previdência privada são uma ferramenta criada justamente para te ajudar com isso.

Quando se pensa em aposentadoria, a previdência privada tem muita vantagem em relação a outros investimentos de longo prazo. Isso acontece porque ele tem benefícios fiscais, que no longo prazo fazem uma diferença gritante.

O fundo de previdência funciona como um fundo normal, mas com algumas particularidades.

Nós fizemos um conteúdo completo que explica o que são os fundos de previdência. É só clicar aqui nesse link e conferir tudo.

Agora vamos voltar um pouquinho na história e entender de onde surgiu essa ideia.

Previdência: Qual a história?

O que temos de mais recente em relação a previdência aqui no Brasil, foi a reforma que aconteceu em 2019, mas a história dela é de outros tempos. Você sabe quando começou a previdência no Brasil? 

Antes de falar do Brasil, vamos ali na França, que foi o país pioneiro na criação de uma previdência, em 1673. Quando nasceu abrangia apenas membros da Marinha Real e 2 séculos depois passou a valer para os funcionários públicos.

Aqui em terras brasileiras, sistemas parecidos com a previdência começaram a surgir em 1888. Naquela época não se falava em Fundos de Previdência, e a previdência que existia abrangia apenas os profissionais que eram considerados “mais importantes” para aquela época. Estavam na lista os funcionários dos correios, da imprensa nacional das estradas de ferro, da marinha, da casa da moeda e da alfândega.

Apenas 35 anos depois, só em 1923, após um decreto chamado Eloy Chaves, nós conhecemos a previdência nos moldes que vemos hoje em dia. Dá uma olhada na imagem que retrata uma matéria da época.

Fundo de previdência

Fonte: dmtemdebate

Lá no final da década de 70, os profissionais que não estavam incluídos no regime de Previdência Social, começaram a se organizar para que também pudessem ter suas previdências. E diversas instituições enxergaram a oportunidade de criar os Fundos de Previdência Privadas.

Já no início do século 21, mais precisamente no ano de 2001 é sancionada a Lei Complementar nº 109 que Regula a Previdência Complementar Privada, Entidades Abertas e Fechadas, fazendo com que diversos Fundos de Previdência Privadas fossem criados.

Agora que nós já vimos um pouco da história, vamos entender mais sobre os Fundos de Previdência.

A popularização dos Fundos de Previdência

Depois da popularização dos Fundos de Previdência, diversas instituições começaram a criar os seus próprios fundos de previdência e o investidor começou a se ver diante de centenas de milhares de ofertas. Mas, será que todas elas são boas? Será que seu dinheiro está bem investido em um Fundo de Previdência?

Será mesmo que faz sentido, mesmo tendo a Previdência Social, buscar uma previdência privada? Essa pergunta merece uma resposta à altura, e ela está completa aqui neste conteúdo do nosso blog.

Fundos de Previdência: é furada?

Vamos à pergunta principal do nosso texto. Na verdade, depende. É preciso avaliar alguns pontos importantes, pois dependendo do Fundo de Previdência que você contratar, você  pode estar deixando dinheiro na mesa. Por isso que, como qualquer investimento, muitos fatores precisam ser analisados.

Para poupar seu tempo, nós conseguimos alguns horários com um especialista em previdências para te guiar até os melhores fundos do país. É só clicar aqui e agendar o seu horário.

Conseguimos também uma lista com os 150 piores fundos de previdência, aqueles que podem estar te fazendo deixar dinheiro na mesa e ainda um relatório, feito pela equipe de análise do Bruno Merola, com uma indicação de Fundo de Previdência . Para ter acesso a lista, é só clicar neste link.

O que fazer depois de investir nos fundos?

Caso você esteja alocado em algum desses 150 piores fundos de previdência, saiba que é possível sair deles sem pagar imposto e sem gastar R$ 1. Inclusive, para fazer isso, você pode marcar um horário com um especialista através desse link.

CLIQUE AQUI PARA BAIXAR A LISTA COM OS 150 PIORES FUNDOS DE PREVIDÊNCIA

Depois de fugir dos 150 piores fundos de previdência e encontrar o melhor fundo para os seus investimentos, você precisa consolidar junto com toda sua carteira e acompanhar bem de perto, para ver seu dinheiro trabalhando por você. E para isso você pode usar o Real Valor, o melhor app de consolidação de investimentos que está disponível para Android, IOS e na versão web. Baixe agora e acompanhe seus investimentos.

470 / 473

Leave a Reply

Required fields are marked