fbpx
Testar de graça Acesse sua conta

Empresas de tecnologia são mais robustas ao Covid. Por que?

Semana passada, escrevendo um top5 para o nosso grupo do Telegram, me deparei com um negócio interessante que me motivou a escrever esse texto: As 5 pessoas que mais fizeram dinheiro esse ano são do ramo de tecnologia.

Não está no nosso grupo do Telegram ainda? Então vem! A gente traz o melhor conteúdo do mercado financeiro com o toque Real Valor.

Se você for na lista de bilionários da bloomberg e filtrar por YTD Change, você consegue ver as pessoas que mais fizeram dinheiro esse ano e as que mais perderam.

Vou deixar aqui uma foto de como essa lista estava no dia 25/04/2020, mas convido você a dar uma olhada no dia em que estiver lendo o texto.

As 10 pessoas que mais ganharam dinheiro. 6 de tecnologia
Top 10 pessoas que mais ganharam dinheiro em 2020 até 25/04/2020
As 10 pessoas que mais perderam dinheiro. 1 de tecnologia
Top 10 pessoas que mais perderam dinheiro em 2020 até 25/04/2020

Consegue perceber o que eu percebi?

Quando eu fiz esse texto, dos 10 que mais fizeram dinheiro, 6 são de tecnologia. Sendo que o top 5 é 100% tecnologia.

Dos 10 que mais perderam dinheiro, apenas um é de tecnologia.

Qual é a explicação disso tudo?

Para falar sobre isso, preciso dar uma pincelada sobre como funciona a maturação de um mercado

Ciclo de maturidade de um mercado

Todo mercado tem 4 etapas: Abertura, Escala, Foco e Equilíbrio.

Ciclo de consolidação de mercado

Abertura:

No início, existe uma empresa (ou startup) inovadora que começa a desbravar esse novo mercado. Como o mercado é novo, não existem grandes regulamentações e burocracias. Por isso, assim que a empresa desbravadora começa a fazer dinheiro, ela atrai concorrentes.

Como é um mercado desregulado e sem burocracias, a barreira de entrada para novas empresas é quase zero. Mas o número de concorrentes não faz tanta diferença nesse primeiro momento, porque ainda existem muitos consumidores a endereçar. As empresas ainda estão desbravando um novo mercado e não lutando entre si.

Nesse momento as margens de lucros são altas, embora não necessariamente a rea receita não necessariamente seja. Principalmente porque é o início do mercado.

O mercado de automóveis já foi assim. Henry Ford, fundou a Ford na garagem de sua casa. Hoje é impensável abrir uma empresa de automóveis na garagem de casa(porque o mercado automotivo está em outra etapa)

Ford foi iniciada em casa

Escala

Mercado de tecnologia em franco crescimento

Nesse estágio, as empresas começam a correr para conseguir escalar rápido. Os maiores players começam a comprar players menores para se consolidarem.

Aqui os lucros são altos e a receita também. Ainda não existem muitos concorrentes espremendo o lucro do mercado. Então quem está no mercado consegue manter preços mais altos.

Foco

Aqui, o mercado começa a se consolidar na mão de poucas empresas gigantes. É esperado que as 3 maiores empresas ou grupos controlem de 35% a 70% do marketshare do mercado como um todo.

Aqui também começam a surgir regulamentações para deixar o mercado mais seguro. Essas regulamentações funcionam também como barreira de entrada para novas empresas.

Agora não é mais possível começar um business nessa área em casa, como Henry Ford, John D. Rockefeller e diversos empreendedores fizeram.

Pense que você precisa abrir uma fábrica de carros ou uma empresa de petróleo agora. Bem mais complicado do que abrir uma empresa de tecnologia ne?

Aqui os lucros começam a diminuir. As empresas são forçadas a otimizar sua gestão. As que não conseguem fazer isso a tempo tendem a ser compradas pelas que conseguem.

Equilíbrio

Mercado em equilíbrio

É basicamente quando a indústria chega a um equilíbrio. Os 3 maiores grupos já possuem um marketshare de 70% a 90%. O mercado é regulado e é bastante difícil ver novos entrantes. Nos raros casos em que isso acontece, esses grupos tendem a comprar os novos entrantes.

Aqui os lucros são espremidos. As empresas que estão no topo tem uma gestão muito boa para conseguir manter custos baixos e se manter lucrativas.

Mercados em equilíbrio: Cerveja, tabaco, calçados.

Tecnologia hoje

Mas por que eu falei disso tudo?

Na lista dos 5 bilionários que mais fizeram dinheiro esse ano (mesmo com coronavírus), todos eram de tecnologia. Na lista dos 5 bilionários que mais perderam dinheiro esse ano, nenhum era de tecnologia.

Tá certo que tecnologia não é bem um mercado. Existem vários mercados dentro: e-commerce, cloud computing, redes sociais, gaming, etc.

Mas vamos consolidar isso tudo num mercado chamado “tecnologia” para simplificar.

O mercado de tecnologia está entre a etapa de abertura e de escala. É um mercado em franco crescimento. As margens de lucros são altíssimas.

Para se ter uma ideia, a margem bruta de empresas como Facebook, Google e Amazon é entre 50% e 80%.

É por isso que essas empresas fazem escritórios gigantes, com escorrega, piscina de bolinhas, video-game, etc etc. Não estou aqui para discutir se isso é bom ou não.

Mas você simplesmente não consegue colocar isso numa empresa que tem margens espremidas por estar num mercado mais consolidado.

Quando olhamos para os mercados dos bilionários que mais sofreram, lá estão energia, varejo, e artigos de luxo.

O mercado da vez é o de tecnologia.

Eu escrevi um texto falando sobre esse assunto em 2018 aqui no blog.

Recomendo a leitura. Na minha opinião, é o melhor post desse blog.

Maiores empresas de cada era

As primeiras empresas a alcançar o valor de 1 milhão e de 10 milhões de dólares foram, respectivamente, o Bank of North America e depois o Bank of United States.

As primeiras empresas a alcançarem os valores de 100 mi, 1bi, 10bi e 100bi foram, respectivamente, New York Central Railroad, AT&T, GM, GE.

Percebe que lá atrás, bancos eram as maiores empresas do mundo e depois isso mudou para empresas industriais de alguma forma?

Pois então, a primeira empresa a atingir 1 trilhão foi a Apple e a Amazon bateu esse número logo em seguida.

Isso acontece porque empresas de tecnologia estão justamente no início da consolidação do mercado. São a bola da vez.

Infelizmente temos poucas empresas de tecnologia listadas em bolsa aqui no Brasil. O jeito para o brasileiro é investir em BDRs ou abrir uma conta no exterior.

E você? Já investe em empresas de tecnologia? Por que? Deixa um comentário aqui embaixo!

banner-real-valor-acompanhar-investimentos-gratis
138 / 145