« Back to Glossary Index

Já ouviu falar sobre a sigla YTD? Para quem não a conhece, pode parecer algo extremamente complexo, mas na realidade é um conceito bem simples e útil para se ter em várias análises.

Vem que eu te explico!

O que é YTD?

A sigla YTD significa Year to Date e faz referência a um período que começa no primeiro dia de janeiro de um ano e termina justamente na data em que uma atividade é finalizada.

Se tentarmos fazer uma rápida tradução para o Português, Year to Date é uma expressão “do começo do ano até hoje” ou “acumulado do ano”.

Quando estamos falando de finanças, essa atividade normalmente é uma demonstração financeira detalhando o desempenho de uma parte do negócio.

Para entender melhor essa definição, vamos olhar para um exemplo.

Exemplo

Imagine o hodômetro de um automóvel.

hodômetro pode ser comparado com o YTD

O hodômetro nada mais é que o dispositivo responsável por contar a distância que um veículo andou ao longo de um período. Esse período consiste em um início definido – nesse caso, ele seria o momento em que o carro saiu da fábrica – até o dia de hoje.

O Year to Date faz justamente a mesma coisa, sendo esse início definido como o começo do ano.

Vamos supor agora que você leu a seguinte frase em um relatório de investimentos:

“O Year to Date para o ativo X é de 8%”

Isso significa que, do primeiro dia de janeiro até hoje, o ativo foi valorizado em 8%.

Tranquilo, né?

Fácil de entender o conceito de YTD

Qual a importância em ter indicadores YTD?

Quando estudamos esses períodos ano a ano fica muito mais fácil fazer uma análise de desempenho concreta e auxiliar na tomada de decisões, principalmente no meio do ano fiscal. No Brasil, o ano fiscal começa exatamente no primeiro dia de janeiro e termina no último dia de dezembro, o que acaba deixando muito mais intuitiva qualquer análise.

Com o objetivo de saber o desempenho da sua empresa no meio do ano fiscal, é muito mais fácil analisar o acumulado do ano, ou seja, o Year to Date e comparar com o mesmo período de anos anteriores do que esperar todo o ano fiscal se completar.

Fazer comparações YTD pode auxiliar na saúde da organização, através do desenvolvimento de planos de ação mais eficientes.

YTD nos Retornos

Podemos utilizar o Year to Date em análises de retorno, que vai nos ajudar a fazer análises financeiras, por exemplo.

Falando de investimentos, os retornos acumulados do ano são os lucros que a aplicação teve. Se quisermos calcular o YTD de retorno, fazemos a seguinte operação:

(Valor atual – Valor do primeiro dia) / Valor do primeiro dia * 100

Exemplo

Imagine que um ativo no início do ano – primeiro dia de janeiro – valia R$300,00 e passou a valer R$450,00 na data de um relatório financeiro. Para calcular o Year to Date de retorno fazemos:

(450 – 300) / 300 * 100 = 50%

Dessa forma, concluímos que houve um retorno de 50% do ativo.

E você? Já acompanha seus investimentos de maneira mais eficiente?

Pelo Real Valor você consegue fazer isso com facilidade!

Acesse agora! Disponível para Android, IOS e na Web, 100% de graça!

« Back to Glossary Index